Arquivos

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros links
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis




ARQUIVO - No Mundo dos Famosos
 


ENTREVISTA ESPECIAL com: ANGELINA MUNIZ

 

 


A “Entrevista Especial” de hoje do “No Mundo dos Famosos” é com uma brilhante atriz, dona de um talento imensurável ela já deu vida a inúmeras personagens que marcaram uma geração e também foi considerada um dos maiores símbolos sexuais do nosso país e ainda continua sendo um referencial de beleza e elegância. Minha entrevistada é a querida e mega talentosa atriz ANGELINA MUNIZ.


“Quando interpretamos personagens que não acreditamos, mas que fazem parte de um contexto, temos que dizer coisas que não gostaríamos de passar pro público. Creio que ser exemplo é bem complicado e de muita responsabilidade.”

(Angelina Muniz)

Jéfferson Balbino: Quando e como você descobriu sua vocação pra carreira artística?

Angelina Muniz: Desde pequena já imitava os atores do "teletrol" (risos). Só que sempre achei um sonho distante. Ganhei uma bolsa no curso Jaime Barcellos e, como fazia figuração e "modelava", resolvi levar a sério.

Jéfferson Balbino: Seus primeiros trabalhos na teledramaturgia brasileira foram nas novelas: “Sinal de Alerta” (TV Globo/1978) e “Plumas e Paetês” (TV Globo/1980). Como foi atuar nessas novelas?

Angelina Muniz: Tudo muito novo. Era uma fase de muito aprendizado.

Jéfferson Balbino: Que lembranças você tem da à Jacaroa do Pantanal sua personagem na novela “Jogo da Vida” (TV Globo/1981)?

Angelina Muniz: Adorava fazer essa personagem! Levada pra caramba. Lembro dela fugindo pela janela pendurada em um lençol. O Máximo!

Jéfferson Balbino: E como foi ter sido contratada, mas não poder fazer a novela “Final Feliz” (TV Globo/1983)?

Angelina Muniz: Acabei não fazendo a novela... Fui contratada, mas só entraria lá pelo capítulo tal... E aí acabei sendo convidada pra entrar na novela do Silvio de Abreu... Foi a maior saia justa. Acho que a Júlia Lemertz fez o meu papel.

Jéfferson Balbino: Na novela “Vereda Tropical” (TV Globo/1984) sua personagem assim como você se chamava Angelina. Chegou a ser uma experiência inusitada ter uma personagem com o mesmo nome que o seu?

Angelina Muniz: Ah, sempre é engraçado... Ser chamada pelo nome próprio me confundia bastante. A atenção tinha que ser redobrada.

Jéfferson Balbino: O que você define ser a maior responsabilidade do seu oficio?

Angelina Muniz: Quando interpretamos personagens que não acreditamos, mas que fazem parte de um contexto, temos que dizer coisas que não gostaríamos de passar pro público. Creio que ser exemplo é bem complicado e de muita responsabilidade.

Jéfferson Balbino: Como foi contracenar com os grandes atores: Carlos Zara e Lolita Rodrigues na novela “Sassaricando” (TV Globo/1987)?

Angelina Muniz: O máximo! Sempre aprendemos muito. Sem contar o fato de que eram muito amáveis.

Jéfferson Balbino: E como surgiu o convite pra você atuar na novela “Gente Fina” (TV Globo/1990)?

Angelina Muniz: Houve uma mudança de direção e o Herval Rosano me convidou.

Jéfferson Balbino: O que você destacaria da sua carreira no Cinema?

Angelina Muniz: Não fiz muito cinema. Fiz alguns, que na época eram considerados pornochanchadas... Mas, que hoje perdem feio para as novelas das 21hs...

Jéfferson Balbino: No SBT você atuou nas novelas: “Éramos Seis” (1994), “Sangue do meu Sangue” (1995), “Dona Anja” (1996) e “O Direito de Nascer” (2001). Como foi trabalhar na teledramaturgia da emissora com essas novelas?

Angelina Muniz: Acho que essa foi a melhor fase da teledramaturgia no SBT. Daí o Silvio deu uma pirada e acabou com tudo. Uma pena! Agora ficou desacreditado. Mas, "O Direito de Nascer" e "Dona Anja" que já fiz, fora de lá. Foram feitas na produtora JPO com direção do Roberto Talma, com quem amei trabalhar.

 



Escrito por no mundo dos famosos às 23h46
[] [envie esta mensagem
] []





ENTREVISTA ESPECIAL com: ANGELINA MUNIZ

 

Jéfferson Balbino: O que é mais e menos prazeroso na carreira de atriz?

Angelina Muniz: Esperar. A demora me deixa louquinha.

Jéfferson Balbino: Seu último trabalho na TV Globo foi na novela “Bang Bang” (TV Globo/2005). O que te motivou a trocar de emissora? E como você vê essa volta pra Globo por parte de alguns atores da Record?

Angelina Muniz: Eu já havia sido convidada pela Record pra fazer parte do elenco fixo. Como já havia me comprometido com a Globo, resolvi aguardar o término de Bang Bang. Atores são atores em qualquer emissora, teatro, cinema... Gostamos de atuar e gostamos de mudanças. Acho saudável essa troca. Já trabalhei na Band, SBT, Globo e Record. Não gosto de contrato fixo, mas... (fico me sentindo meio presa, entende?).

Jéfferson Balbino: Nos anos 80 você foi considerada um dos maiores símbolos sexuais do Brasil e na novela “Bicho do Mato” (Rede Record/2006), você levou uma sensualidade brejeira pra sua personagem, a Francisca. Como foi o processo de composição dessa marcante personagem?

Angelina Muniz: Tentei copiar a Jussara Freire no Pantanal! (risos).

Jéfferson Balbino: Que avaliação você faz do seu trabalho na novela “Os Mutantes” (Rede Record/2007)?

Angelina Muniz: Então... Gostava da personagem enquanto era "Caminhos do Coração", que foi onde a saga começou. Não fiz as continuações...

Jéfferson Balbino: E qual foi sua fonte de inspiração pra interpretar a Leila Pelago na novela “Ribeirão do Tempo” (Rede Record/2010)?

Angelina Muniz: Uma amiga "perua pobre". 

Jéfferson Balbino: Dentro da nossa rica teledramaturgia brasileira, há alguma personagem que foi interpretada por outra atriz que você gostaria de ter feito se tivesse oportunidade?

Angelina Muniz: Hum... Que difícil! Acho que não...

Jéfferson Balbino: Recentemente você deu um show de interpretação no remake da novela “Dona Xepa” (Rede Record/2013). Como foi atuar nessa novela?

Angelina Muniz: Foi maravilhoso!

Jéfferson Balbino: Após o término de “Dona Xepa” o que você está fazendo? Já tem algum projeto em vista?

Angelina Muniz: Férias... Claro que não vão me deixar ficar a toa por muito tempo... Mas quero aproveitar a família, o maridão e viajar.

Jéfferson Balbino: Antes de finalizarmos: Quais foram as melhores novelas que você já assistiu?

Angelina Muniz: Não sou de ver muita televisão. E também esqueço com facilidade os nomes. Mas, destaco Avenida Brasil, Pantanal e ai, uma que o Marcilio escreveu na Record... Passava na favela e o Heitor Martinez era o bandidão... Vidas Opostas!

Jéfferson Balbino: Querida, foi uma honra ter uma grande atriz como você aqui “No Mundo dos Famosos”. Parabéns pela belíssima carreira e muito mais sucesso. Um grande beijo!

Angelina Muniz: Obrigada pelos elogios Jéfferson e até breve. Beijos!

 



Escrito por no mundo dos famosos às 23h44
[] [envie esta mensagem
] []





Ainda Hoje: ENTREVISTA ESPECIAL com: ANGELINA MUNIZ



Escrito por no mundo dos famosos às 23h39
[] [envie esta mensagem
] []



 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]